Social Media Manager???

Por João Pedro Batista, co-fundador da Social Animals

Vamos falar um pouco sobre um cargo que tanto agrada às agências “digitais” da nossa praça.

Recentemente, a Social Animals abriu vaga para copywriter e voltou a acontecer aquilo que acontece cada vez que procuramos alguém para o departamento criativo: recebemos dezenas de candidaturas de jovens que ocupam cargos de Social Media Manager. A descrição das funções é sempre a mesma: planeamento e criação de conteúdos, investimento de media nos conteúdos, community manager, reporting e, por fim, contacto  com o cliente. Resumindo: quase toda uma agência em apenas uma pessoa só.

Como qualquer pessoa da área que se depara com uma novidade no meio, fiz questão de aproveitar o facto de ter que ligar aos candidatos seleccionados para os questionar sobre o seu dia-a-dia profissional. Ao fim de algumas chamadas, percebi que tudo o que eu pensava era verdade: cada jovem com quem falei queria especializar-se apenas numa função, pois era terrivelmente infeliz a fazer várias das tarefas que tinha que executar diariamente.

Percebo que a média de fees em Portugal seja baixíssima, principalmente quando se trata de digital, mas não acho que a solução seja colocar todo um imenso e variado trabalho em cima de uma única pessoa – até porque o trabalho será sempre mais fraco do que aquele que poderia ser realizado por uma equipa formada por pessoas especializadas em cada uma das áreas. O problema é que a falta de cultura geral de marcas e agências faz com que a maior parte destes profissionais não saiba separar o trigo do joio, nem avaliar o que são bons e maus resultados.

A Social Animals é uma agência de média dimensão, mas orgulhamo-nos de já termos ganho e depois perdido vários concursos – apenas porque recusámos aceitar os fees ridículos que algumas marcas queriam pagar. O problema é que cada vez que recusamos um fee que não paga contas, há uma agência que o aceita. Também sou empresário e sei o que custa pagar salários ao fim do mês, mas vale a pena destruir o mercado baixando a fasquia e frustrando jovens que poderiam ser óptimos profissionais numa das mil áreas em que trabalham diariamente? Por favor: pensem nisto na próxima vez que contratarem um Social Media Manager.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...