Soalheiro reforça no enoturismo com novas experiências. Quer conhecer uma vinha biológica?

Visitar o Soalheiro é muito mais do que conhecer e provar vinhos. A garantia é deixada pelo produtor de vinhos da região Alvarinho, que desenvolveu novas experiências de enoturismo a pensar em quem tem curiosidade em conhecer melhor todos os processos em torno desta actividade.

Segundo o Soalheiro, uma visita ao espaço de enoturismo da marca “é a descoberta de um território, das suas gentes e tradições e da biodiversidade que nele habita”. Para isso, estão disponíveis quatro horários de visita por dia, todos os dias da semana, sendo que será dada prioridade a grupos pequenos.

Além das clássicas provas de vinhos e infusões, há também experiências de harmonizações gastronómicas com produtos de típicos da região e, ainda, sugestões que incluem alojamento. Em qualquer dos casos, o primeiro passo é uma visita às vinhas, em regime de produção biológica, adega e cave de inovação.

Segue-se a escolha por entre seis hipóteses de provas, a desfrutar no terraço panorâmico do Soalheiro, e a selecção da experiência gastronómica desejada. É possível, por exemplo, experimentar uma tábua de queijos e enchidos locais ou provar uma refeição ligeira. Para grupos, o Soalheiro disponibiliza a possibilidade de almoço na Quinta da Folga.

Quem quiser prolongar a visita, poderá ficar na Casa das Infusões, que tem três quartos disponíveis e que oferece pequeno-almoço servido num cesto de piquenique.

Já a pensar nos dias quentes de Verão, o Soalheiro criou o kit “À Descoberta do Território”, que reúne os artigos essenciais para uma aventura junto ao rio Minho: uma garrafa de Soalheiro Clássico com uma manga que a vai manter fresca, um saca-rolhas, dois copos, um queijo da Prados de Melgaço e um voucher “Prova de Vinho Origem”.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...