Ricardo Oliveira: «A Renault não deixará de estar presente»

O que ficará depois deste “buraco negro” do novo coronavírus? Que marcas iremos ter? E como é que passarão a estar e a comunicar? Não sendo possível qualquer previsão clara e certa, fomos, contudo, tentar perceber de que forma é que algumas das maiores empresas e marcas em Portugal estão a reagir e como esperam sair do momento mais crítico de todos os tempos, a nível mundial. Vamos todos dar a volta?

Ricardo Oliveira, director de Comunicação da Renault

1 – O que está a ser feito, neste momento, para que a sua marca não perca relevância?

A situação que estamos a atravessar é absolutamente excepcional e inédita. Pelo facto de a Renault ser um grupo de dimensão mundial, muito rapidamente tivemos acesso às informações e medidas tomadas noutros países e até mesmo noutros continentes de forma a podermos, tanto quanto possível, anteciparmos as acções a serem tomadas.

É claro que o nosso plano de acções comerciais foi evoluindo para se adaptar à actual realidade, mas sempre com a ideia em mente que, passado o período de crise, a actividade irá progressivamente retomar (vide o exemplo da China).

É certo que a actividade comercial irá abrandar de forma significativa nas próximas semanas, provavelmente nos próximos meses, mas não deixaremos de estar presentes, utilizando os meios ao nosso alcance, junto dos consumidores portugueses.

A marca Renault tem uma excelente notoriedade junto dos consumidores portugueses, que se materializa nos 22 anos consecutivos de liderança do mercado, e é certo que o nosso plano prevê que a marca continue “presente”, mesmo numa altura em que sabemos que as circunstâncias terão um impacto negativo no negócio.

Continuaremos a assegurar, por exemplo, uma presença contínua nas redes sociais tal e qual como antes.

2 – E depois deste “buraco negro”, a sua marca será a mesma?

A notoriedade da marca certamente que não se perderá e estamos convencidos que esta crise, provavelmente mais longa do que se poderia esperar, terá após o seu final uma retoma da actividade normal.

Nesta altura estamos a desenvolver todas as iniciativas para tentar salvaguardar, também, a perenidade da nossa Rede Comercial, que é um dos pilares fundamentais para a futura presença da marca.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...