Receitas do Grupo Accor crescem 2,7% em 2012

O grupo hoteleiro Accor totalizou vendas de 5,65 mil milhões de euros no ano passado, o que significa um aumento de 2,7% (numa base “like-for-like”) em relação ao ano anterior.

Em comunicado, o grupo atribui a performance a razões como os efeitos cambiais, que aumentaram as receitas em 60 milhões de euros (ou 1,1%), graças sobretudo à valorização do dólar australiano e da libra em relação ao euro.

No que diz respeito apenas ao quarto trimestre de 2012, o grupo Accor obteve receitas de 1,45 mil milhões de euros, o que representa um crescimento “like-for-like” de 2,5%.

Entre Outubro e Dezembro, os hotéis do Grupo que se inserem nos segmentos médio e de luxo registaram um aumento das receitas “like-for-like” de 2,4%. Já no segmento económico o crescimento foi de 2,1%, impulsionado pelas regiões Ásia-Pacífico (onde o aumento foi de 4,1%) e América Latina (7,4%). No mercado europeu, as receitas acumuladas dos hotéis económicos “mantiveram-se estáveis (0,8%), apesar da deterioração do mercado espanhol, que caiu 9,5%”, adianta o Grupo Accor.

Tendo em conta os resultados apresentados, o Grupo Accor manteve a sua estimativa em termos de resultado operacional para 2012: entre 510 e 530 milhões de euros. Os resultados definitivos serão conhecidos a 20 de Fevereiro.

O Grupo Accor detém as marcas Sofitel, Pullman, Mgallery, Grand Mercure, Novotel, Suite Novotel, Mercure, Adagio, ibis, ibis Styles, ibis budget e hotelF1.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...