Portugueses querem roupa pelo Natal

Vestuário, perfumes e livros são os presentes mais desejados pelos portugueses para o próximo Natal. O estudo “Observador Cetelem Natal 2017” mostra que 34% dos cidadãos nacionais quer receber roupa, numa subida de 7% em relação ao ano passado.

Por outro lado, perfumes e relógios caem 8%, ainda que ocupem o segundo lugar na lista dos presentes mais desejados. De seguida, surgem os produtos culturais, em que se incluem os livros, com um aumento de 1% face a 2016.

Os telemóveis/smartphones e viagens/lazer são as categorias que se seguem, ambas com quebras de 4% e 13%, respectivamente.

Pedro Camarinha, director Distribuição do Cetelem, considera «interessante verificar que mesmo os mais velhos gostam de receber presentes dos que lhes são mais próximos, embora prefiram aqueles que são mais práticos, como o vestuário». Não são apenas as crianças a esperar uma prenda no sapatinho na noite de Natal.

O mesmo responsável acrescente que «parece verificar-se que, neste período do ano, a motivação dos portugueses está substancialmente diferente, mais focada na família e nas reuniões caseiras».

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...