Portugueses gostam da ideia de partilhar

Partilhar automóvel ou apartamento não é algo estranho aos portugueses, sendo que 84% das pessoas com menos de 50 anos diz ter uma opinião favorável a este tipo de acordo. A percentagem é superior à média europeia que se fica pelos 73%, de acordo com dados do Observador Cetelem. Os portugueses seniores seguem a mesma tendência: 72% tem uma opinião positiva sobre a partilha de serviços de consumo. A média europeia é de 61%.

Ainda assim, há coisas mais fáceis de partilhar do que outras. Os portugueses parecem ser adeptos de partilhar um automóvel mas mostram mais relutância à partilha de casa. Os portugueses com menos de 50 anos são os mais entusiastas na Europa relativamente à partilha de automóvel (53%) e os seniores (41%) ficam apenas atrás dos polacos (47%) e espanhóis (42%).

Quanto à partilha de casa, 31% dos portugueses afirma ter interesse neste tipo de economia colaborativa mas apenas 2% dos seniores e 6% dos seniores adoptou, de facto, esta opção. Diogo Lopes Pereira, director de Marketing do Cetelem, explica que «os países do Sul da Europa, como Portugal, Espanha, Itália e França, são os que têm as opiniões mais positivas sobre a economia colaborativa no geral. No entanto, a partilha de casa é um serviço que pressupõe a interacção e o contacto com a intimidade e o espaço privado de outras pessoas, algo para o qual o seniores portugueses ainda não estão preparados».

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...