Portugal é líder europeu na cobertura de redes de fibra

Ao longo dos últimos cinco anos, a cobertura de fibra óptica em Portugal registou um crescimento médio anual de 8,7%, chegando aos 87,6%. Segundo a Associação de Operadores de Comunicações Electrónicas (APRITEL), que dá conta de dados da ANACOM, Portugal é, por isso, “líder europeu na cobertura de famílias com rede de fibra”.

A mesma associação indica que este alargamento aconteceu em todo o País, embora com especial destaque para as regiões mais periféricas, contribuindo para a coesão territorial. A APRITEL justifica as melhorias na cobertura com o investimento contínuo dos operadores, que resultou numa cobertura de redes de alta velocidade de 90,6%, ou seja, mais 4,3% do que no ano passado (comparando o primeiro semestre).

A APRITEL sublinha ainda o facto de 78,1% das famílias, a nível nacional, subscrevem serviços em alta velocidade, verificando-se um crescimento acima da média nas zonas com menor penetração: pelo menos 80% dos novos clientes contratam um serviço suportado em fibra óptica.

Mais tráfego e menos reclamações

Os dados da ANACOM referentes à primeira metade deste ano mostram também que o volume de tráfego de internet aumentou 39,2% em redes fixas e 24,6% em redes móveisface ao mesmo período do ano passado. O tráfego médio mensal por utilizador é de 33,1% na internet fixa e 23,7% na móvel.

Por outro lado, as reclamações parecem estar a diminuir. Considerando as queixas efectuadas junto da ANACOM, nota-se um recuo de 5% entre o segundo trimestre deste ano e o período homólogo de 2020. Em relação ao primeiro trimestre deste ano, a quebra é de 23%.

Para isso contribuirá o aumento da qualidade do serviço de acesso à internet: de acordo com os testes da ferramenta Net.Mede, realizados no segundo trimestre, regista-se uma velocidade de download de 83% no fixo e de 68% no móvel. A velocidade de upload também saltou 113% no fixo e 22% no móvel. Além disso, a latência decresceu.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...