Pôr o mundo a ver melhor

Há quase uma década que a MultiOpticas tem vindo a actuar no campo da responsabilidade social, através de projectos que resultam no apadrinhamento de várias instituições de cariz social, tais como a Cáritas Portuguesa, a Helpo ONG, a Associação Jorge Pina e muitas outras a nível nacional e local.

«O nosso trabalho nesta área implica muitas vezes a participação dos nossos franquiados, com o objectivo de envolver todas as equipas nestas acções e, simultaneamente, descentralizar dos grandes centros urbanos este tipo de iniciativas, permitindo criar proximidade a nível local», afi rma fonte ofi cial da MultiOpticas.

No que respeita à sustentabilidade, a MultiOpticas está a dar os primeiros passos numa política concertada que irá abranger todas as suas lojas. Aliás, a direcção da empresa já assinou uma Carta de Compromisso, que é a base do que fará num futuro próximo nesta área.

Em 2019, a MultiOpticas realizou diversas acções ao longo do ano, sendo a mais relevante a Missão “Olhar por Moçambique”, desenvolvida em parceria com a Helpo. Esta missão foi lançada em Junho, desafi ando os clientes a doar os óculos que já não usavam, entregando-os nas suas lojas.

Estes óculos foram limpos, preparados e catalogados para serem levados para Moçambique. Durante 13 dias, uma equipa de optometristas e técnicos esteve na região de Nampula, onde realizou 1000 rastreios, tendo doado cerca de 600 óculos graduados a populações altamente carenciadas. No fi nal da Missão, foram distribuídos à Helpo e à Universidade de Lúrio os óculos não entregues para posterior adaptação, bem como todos os equipamentos utilizados para realizar os rastreios visuais.

«Consideramos que a Missão “Olhar por Moçambique” foi um sucesso. Esta iniciativa envolveu diversos stakeholders e sensibilizou para a importância da saúde visual, nomeadamente ao nível do sucesso escolar.

Desde os nossos clientes, que prontamente aderiram a esta campanha e doaram os óculos que ganharam uma nova vida, às equipas das nossas lojas, que ajudaram na recolha; às equipas que trabalharam na selecção e catalogação dos óculos doados; aos parceiros que apoiaram desde o primeiro momento esta acção; até às instituições no terreno, para além da Helpo, da Universidade de Lúrio e dos estudantes de Optometria, que participaram activamente na realização dos rastreios; e ainda André Leonardo, jovem empreendedor que “Faz Acontecer”, que se juntou à Missão, realizando palestras e ajudando na missão de “ensinar a pescar”», afi rma a fonte ofi cial da MultiOpticas.

Toda esta missão incorporou, desde o seu primeiro momento, o compromisso da empresa de aliar a responsabilidade social corporativa (ajuda a populações carenciadas) à sustentabilidade (reutilização de óculos graduados usados doados pelos nossos clientes), permitindo simultaneamente o envolvimento dos colaboradores da empresa, dos clientes e dos parceiros.

Apesar de desenvolver acções de responsabilidade social durante todo o ano, as mesmas multiplicam-se na época natalícia. Nesta perspectiva, a MultiOpticas desenvolveu uma acção com a instituição “Vários”, que se dedica a apoiar jovens e adultos com defi ciência, em conjunto com os franquiados de Tondela.

Irá desenvolver uma acção com o Centro Paroquial Padre Ricardo Gameiro, em conjunto com a franquiada da Cova da Piedade; e terá também uma acção com as crianças da Helpo, em Cascais, e outra no Porto, com a Obra do Frei Gil em conjunto com o fornecedor Artefacto.

Para 2020, a MultiOpticas prevê desenvolver um grande evento de responsabilidade social em parceria com a Cáritas de Setúbal, envolvendo um grande número de colaboradores da empresa num projecto único. Irá também alargar a campanha de recolha de óculos usados (e já sem utilidade). «Esta iniciativa teve uma excelente adesão por parte dos nossos clientes e queremos continuar a promover a reutilização de artigos em bom estado, que temos capacidade de reparar e catalogar para depois entregar a quem, por norma, não tem acesso a este tipo de dispositivos de saúde de forma fácil», afirma a fonte referida.

A meta da empresa para os próximos anos passa por conseguir, de forma progressiva, tornar-se numa empresa verdadeiramente sustentável e, a nível social, cada vez mais responsável.

A criar a sua marca na sustentabilidade

Na vertente de sustentabilidade, a MultiOpticas está ainda a dar os primeiros passos, tendo começado por reduzir o plástico na sede da empresa e noutras instalações, separando também o lixo reciclável. «Estamos empenhados em desenvolver todo um projecto de sustentabilidade de forma faseada e concertada. O Grupo GrandVision, a nível global, tem vindo a implementar diversas iniciativas em toda a cadeia de valor, com impacto nos 44 países onde estamos presentes», afirma fonte da marca.

Temos vindo a promover a redução do desperdício, a eliminação gradual do papel, a optimizar alguns processos administrativos também neste sentido. Criamos as condições para que o lixo seja reciclado, incentivamos à sua separação e estamos a lançar a campanha interna de eliminar ao máximo o plástico. Estamos conscientes de que há ainda muito a fazer e estamos comprometidos com esta necessidade, queremos fazê-lo bem.

Fonte da marca explica que esta estratégia, para além do impacto que gera na sociedade, permite também enaltecer valores e conferir outro posicionamento à MultiOpticas. «O nosso grande objectivo é conquistar os nossos clientes, tentando fazê-los nossos fãs. Estamos a falar de pessoas e, como tal, é impossível ignorar o que está a acontecer ao nosso planeta. Assim, há que começar por transmitir aos nossos colaboradores (clientes internos) a importância de agarrarmos de vez o tema da sustentabilidade e posteriormente trabalhar este mesmo tema com os nossos clientes (externos) com campanhas, iniciativas e desafios nesta área», afirma.

A fonte da MultiOpticas afirma que a companhia está ciente de que a responsabilidade social das empresas é um caminho sem fim. E o mesmo acontece com a sustentabilidade. «Podemos sempre fazer alguma coisa pela sociedade em que nos inserimos, seja a nível local, nacional ou internacional. Os nossos objectivos assentam em criar ferramentas de acesso à visão adequada, onde estas não existem, potenciar o sucesso escolar de crianças inseridas em contextos com acesso mais difícil a rastreios visuais e a óculos quando necessário, bem como envolvermo-nos com as comunidades onde nos inserimos. Aproveitamos sempre para fazer mais alguma coisa, fazendo a diferença no dia-a-dia das instituições a quem nos associamos», vinca.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...