Os desafios do sector automóvel em Portugal

O sector automóvel enfrenta alguns desafios que prometem mudar drasticamente o mercado nos próximos anos. A começa pelo novo limite de emissões de CO2, que entrará definitivamente em vigor em 2020. As consequências, para as marcas e para os consumidores, foram debatidas no mais recente pequeno-almoço da Marketeer.

Texto de Daniel Almeida

Fotos de Paulo Alexandrino

Não é uma recta perfeita, mas uma estrada algo escorregadia, com curvas e contra-curvas, e alguns sinais de perigo à vista. Mas também uma enorme clareira de oportunidades no fundo do túnel! Se quisermos fazer o paralelismo entre o mundo automobilístico e o estado do mercado automóvel em Portugal, será mais ou menos assim. O sector depara-se com alguns desafios a curto-médio prazo, que geram uma nuvem de incerteza sobre o presente, mas que deverão produzir resultados benéficos num futuro próximo, desde a electrificação às novas métricas de emissões, novas alternativas à mobilidade e por uma estrutura de mercado que mudou drasticamente nos últimos anos.

Estes foram alguns dos pontos discutidos no mais recente pequeno-almoço debate do sector automóvel, organizado pela Marketeer. À volta da mesa, Nuno Serra (Volkswagen), Pedro Gonçalves (KIA), Ricardo Leal da Silva (Audi), Ricardo Oliveira (Renault), Ricardo Tomaz (SIVA), Sara Bravo (Fiat Chrysler Automobiles) e Teresa Lameiras (SEAT) deram a conhecer a sua perspectiva do que está a acontecer e o que se poderá vir a desenrolar, na indústria automóvel em Portugal.

Para ler o artigo na íntegra consulte a edição de Dezembro de 2019 da revista Marketeer.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Automonitor
Nissan LEAF em modo drift