O que pesquisaram os portugueses durante o confinamento?

Cuidados de saúde, exercícios para realizar ginástica em casa e novas receitas culinárias foram algumas das pesquisas mais frequentes que os portugueses fizeram na Internet durante o período de confinamento em casa, de acordo com uma análise do site Treated.com aos dados do Google Trends.

O Treated.com reuniu os dados do motor de pesquisa entre 1 de Março e 31 de Maio e fez uma análise baseada nas pesquisas por distrito, relevando assim as diferenças de interesses com base no factor geográfico. Assim, conclui que foi no distrito de Castelo Branco que foram realizadas mais pesquisas, a nível nacional, utilizando o termo “Coronavirus”, por oposição ao distrito da Madeira, que registou o menor número de pesquisas com esta palavra-chave.

Os habitantes do distrito de Santarém lideraram as pesquisas por novas habilidades, desde cursos online ou receitas para fazer em casa, enquanto os de Lisboa e Faro foram os que mais pesquisas fizeram no Google sobre exercício físico, recorrendo a termos como “yoga” (mais pesquisado em Lisboa), “ginásio” ou “ginásio em casa”.

Já Beja posiciona-se na frente no que diz respeito às pesquisas sobre restaurantes, com os internautas a procurarem por informações sobre a “reabertura” ou “abertura” destes estabelecimentos. No período em análise, Faro teve o maior número de pesquisas por serviços de “delivery”, enquanto em Lisboa usou-se mais o termo “entrega de comida”.

Em termos gerais, à escala nacional, os dados revelam que os portugueses que quiseram reforçar os seus dotes de culinária com novas receitas de doces, pesquisaram sobretudo por tarte de coco, brigadeiro, tiramisu, baba de camelo e bolo de bolacha, iogurte, laranja ou chocolate. Já entre os salgados, houve uma busca maior por receitas de pizza, guacamole, francesinha, arroz de marisco e moelas.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...