Nest’A Padaria Portuguesa já não há talheres de plástico

Desde que reabriu, A Padaria Portuguesa da Avenida Duque de Ávila, em Lisboa, está mais amiga do ambiente. Serve como ponto de partida para uma nova estratégia da marca, que poderá ser alargada a outras lojas.

Para já, apenas aqui foram substituídos os talheres e as palhinhas de plástico por alternativas de bambu. Além disso, esta é a única loja onde os copos de sumo são de papel proveniente de florestas sustentáveis ou outras fontes controladas e devidamente certificadas, nomeadamente pelo Forest Stewardship Council.

Também só aqui se pode encontrar o novo packaging para clientes que utilizam o serviço take-away d’A Padaria Portuguesa. As embalagens habituais foram substituídas por opções produzidas a partir de materiais biodegradáveis e recicláveis. O selo “Eco Embalagem” informa os clientes desta novidade.

«A filosofia implementada nesta nova loja vem dar visibilidade às preocupações ambientais que A Padaria Portuguesa tem vindo a trabalhar há mais de um ano, juntamente com fornecedores que nos têm ajudado a encontrar as melhores alternativas», explica Rita Neto, directora de Marketing da marca. A responsável avança ainda que o novo packaging para take-away chegará às restantes lojas, de forma progressiva, durante o primeiro trimestre de 2020. O objectivo é escoar primeiro as embalagens actuais de modo a evitar desperdício.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...