Mini quer fazer a ponte entre profissionais de saúde e as suas famílias

Reduzir distâncias entre profissionais de saúde e as respectivas famílias é o objectivo da Mini ao lançar o serviço Mini Reacharger. A ideia é permitir que o pai de um enfermeiro ou que a mulher de um médico, por exemplo, possam enviar roupa lavada, cartas ou até desenhos sem comprometer a sua segurança.

Sob o mote “Deixa as saudades a um Mini de distância”, o serviço apresenta-se como um pequeno, mas muito relevante, contributo no sentido de minimizar o sofrimento dos profissionais de saúde. Serve também para premiar o esforço que têm dedicado ao combate ao COVID-19.

Os presentes que as famílias quiserem enviar serão recolhidos pela Mini e entregues directamente aos profissionais indicados. Os pedidos do serviço Mini Recharger podem ser feitos através do chat disponível no site da marca automóvel.

Os pedidos são, depois, encaminhados para o concessionário mais próximo da localidade ou hospital em questão, que tratará de colocar a entrega em marcha. Lisboa, Porto, Braga, Coimbra, Leiria e Faro são os concelhos abrangidos pelo projecto da Mini.

Massimo Senatore, director-geral do BMW Group em Portugal, acredita que «são as pessoas que definem aquilo que uma marca pode ser». Neste caso, não só as pessoas que com ela trabalham como também as pessoas que as consomem. «E agora chegou a hora de as marcas retribuírem», sublinha o responsável.

«Marcas com o património emocional da Mini, procuradas e acarinhadas por milhares de portugueses ao longo de todos estes anos, têm a obrigação de, mediante as suas possibilidades, dar o seu contributo. É tempo de cuidar de quem cuida de nós e homenagear as várias centenas de profissionais que diariamente nos ajudam a travar uma das maiores batalhas que o mundo já enfrentou», diz o director-geral.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...