Luz verde à fusão da PT com a Oi

PTA Autoridade da Concorrência (AdC) aprovou a fusão entre a PT e a Oi. Segundo o regulador, o negócio não coloca entraves à concorrência no mercado nacional. O resultado da fusão entre a empresa portuguesa de telecomunicações e a brasileira será o 20.º maior grupo de telecomunicações do mundo, com mais de cem milhões de clientes e 30 mil funcionários directos.

O processo de fusão deu entrada no regulador a 20 de Janeiro, depois da aprovação “sem restrições” da Concorrência brasileira. Com a decisão final da AdC a operação fica validada dos dois lados.

Na próxima semana, os accionistas da PT vão reunir-se em Assembleia Geral para votarem a participação da operadora no aumento de capital da Oi. O encontro está agendado para o próximo dia 27.

Em Portugal, os pequenos obrigacionistas da PT já aprovaram a fusão, com 99,96% de votos positivos, na assembleia geral que decorreu esta terça-feira. Na próxima quinta votarão o valor dos activos da PT.

 

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Automonitor
Nissan LEAF em modo drift