Lidl despede-se dos sacos de plástico

O Lidl afirma ser o primeiro supermercado a acabar com a venda de sacos de plástico para o transporte de compras. A cadeia alemã entra em 2020 sem sacos de plástico: já não é possível encontrar um destes objectos em qualquer uma das mais de 255 lojas Lidl de Norte a Sul de Portugal.

Na base desta decisão está o compromisso do Lidl em reduzir em 20% a utilização de plástico até 2025. Recorde-se que a mudança começou, de forma faseada, em Maio do ano passado, tendo em vista o fim dos cerca de 25 milhões de sacos de plástico que o Lidl vendia em Portugal anualmente.

«A sustentabilidade faz parte do nosso ADN e é transversal a toda a nossa cadeia de valor. O trabalho que temos vindo a desenvolver – com o objectivo de eliminar, reduzir, substituir e transformar – e a sensibilização da sociedade em relação ao plástico é primordial, mas é apenas um dos nossos focos e não o único», afirma Bruno Pereira, administrador de Compras do Lidl Portugal. Segundo o responsável, a cadeia está preocupada com a utilização de papel sustentável.

Nesse sentido, o novo ano é também sinónimo de novo compromisso com o ambiente. Até ao fim de 2020, as embalagens de todos os artigos alimentares e não alimentares de marca própria serão feitas a partir de material reciclado ou fibra virgem com certificação FSC.

Esta certificação assegura que o papel e o cartão utilizados na produção de embalagens têm origem em florestas com gestão sustentável. Além disso, são sinal de que promovem benefícios sociais, ambientais e económicos.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Sabe o que deve fazer se perder o emprego?
Automonitor
Nissan LEAF em modo drift