Jovem multado por “inventar” explosão de smartphone da LG

Um jovem sul-coreano, de 28 anos, foi multado em 15 milhões de won (cerca de 10.800 euros) por ter divulgado na internet o falso rumor da explosão da bateria do seu smartphone, um LG Optimus 3D.

A decisão foi tomada por um tribunal de Seul, que condenou o jovem, identificado pelo apelido Kim, por ter difamado a fabricante LG Electronics por escrito através da internet em várias ocasiões durante o ano de 2011. Para além disso, Kim distribuiu panfletos sobre a suposta explosão da bateria do seu smartphone pelas ruas do distrito de Yeouido, em Seul, onde está localizada a sede da LG Electronics.

De acordo com o tribunal, a mentira provocou danos quer na reputação da LG Electronics quer na imagem do seu produto. «Kim não mostrou quaisquer remorsos pelo seu crime e tem antecedentes por fraude», explicou na sentença o juíz, citado pelo site da Exame brasileira.

Após ter analisado a bateria do smartphone de Kim para identificar a causa da explosão, a LG chegou à conclusão que era impossível que esta tivesse explodido durante o uso normal do dispositivo, o que levou a gigante tecnológica a apresentar uma denúncia por difamação contra o jovem.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...