Indemnização da Samsung à Apple reduzida para quase metade

samsungA juíza Lucy Koh, que tem conduzido nos últimos dois anos o processo judicial que opõe Apple e Samsung nos Estados Unidos da América, decidiu cortar em cerca de 43% a multa aplicada no Verão passado à empresa sul-coreana, condenada pela violação de patentes da Apple. Em vez dos 1,05 mil milhões de dólares (cerca de 808 milhões de euros) inicialmente previstos, a Samsung terá que pagar 598,9 milhões de dólares (461 milhões de euros) à rival.

A juíza defende que os cálculos da indemnização inicial foram mal feitos e que o novo montante reduz para cerca de metade o número de dispositivos móveis da Apple que a Samsung terá copiado – durante o julgamento no Verão passado, a Apple queixou-se que pelo menos 28 equipamentos da Samsung violavam as suas patentes. Para além disso, a juíza Lucy Koh decidiu marcar uma nova data de julgamento para acordar o valor definitivo a pagar pela Samsung tendo em conta os danos reais causados à Apple.

A decisão volta a acender a discussão em torno da batalha jurídica entre a Apple e a Samsung, que esgrimem argumentos e acusações mútuas em vários países um pouco por todo o mundo. Recorde-se que nos EUA, naquele que é um dos processos mais mediáticos e que remonta a Abril de 2011, a Samsung foi condenada ao pagamento de 1,05 mil milhões de dólares pela violação de seis patentes da Apple. O valor ficou substancialmente abaixo do que a Apple pretendia inicialmente (2,5 mil milhões de dólares), mas não deixou de ser uma importante vitória para a empresa da maçã.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...