Fim do roaming impulsiona utilização do telemóvel no estrangeiro

A utilização de dados móveis em viagem pela União Europeia aumentou 10 vezes desde o fim do roaming. Dados divulgados pela Comissão Europeia apontam para um salto ainda maior no que diz respeito às épocas de férias – no Verão do ano passado, registou-se um crescimento de 12 vezes face ao ano anterior. Recorde-se que o roaming terminou em Junho de 2017.

Quanto ao número de chamadas realizadas, a Comissão Europeia dá conta de um volume três vezes superior. Marya Gabriel, comissária para a Economia Digital e Sociedade, acredita que números como estes comprovam o sucesso da abolição das taxas de roaming. «Os europeus estão a beneficiar amplamente da oportunidade de usar os seus equipamentos móveis livremente enquanto viajam.»

A comissária sublinha ainda que os receios de que os preços praticados pelas operadoras em cada país aumentassem devido ao fim do roaming mostraram ser infundados: «Os preços domésticos para serviços móveis têm, na verdade, descido de forma generalizada na União Europeia.»

O relatório da Comissão Europeia sobre o balanço destes dois anos sem roaming conclui que não é provável que as dinâmicas concorrenciais sofram alterações num futuro próximo. Isto significa, diz o mesmo documento, que a regulação relativamente ao mercado retalhista e grossista ainda é necessária. “As regras actuais para o roaming deverão continuar a ser aplicadas nos próximos anos para garantir que os cidadãos beneficiam do roaming sem custos adicionais dentro da União Europeia.”

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Burnout: seis sinais de alerta a que deve estar atento
Automonitor
Nissan LEAF em modo drift