Fidelidade continua

A Fidelidade é reconhecida pela sua experiência com mais de 200 anos de história no mercado segurador nacional, com produtos em todos os ramos, assumindo uma estratégia multimarca suportada na maior rede de distribuição de seguros. A partir de 2014, a par da consolidação da sua liderança no mercado nacional, apostou na expansão internacional e hoje marca presença em mais sete geografias.

Orgulha-se de ser a seguradora mais premiada ao longo dos últimos anos e este ano volta a destacar-se como marca Superbrands, a Escolha do Consumidor e a seguradora com o melhor índice Marktest Reputation Index 2018, na ordem de 66,76%.

O reconhecimento do consumidor e o posicionamento de liderança implicam uma responsabilidade acrescida enquanto promotor de boas práticas em todos os domínios de actuação.

Desafios do sector e prioridades do grupo

Actualmente, um dos grandes desafios do sector segurador é fazer parte do ecossistema digital em que vivemos e que se encontra em permanente mudança. As plataformas ágeis, as insurtechs desburocratizantes, os smartphones sempre conectados, o big data, contribuem para um manancial de informação que abre um mundo de possibilidades às seguradoras que consigam traduzi-lo em soluções e serviços inovadores. E mais do que desenvolver as soluções, a Fidelidade acredita que o factor diferenciador vai centrar-se na forma como a seguradora vai conseguir ser relevante para a vida dos seus clientes.

Conscientes do impacto da actividade seguradora, a Fidelidade continua comprometida com a promoção da Agenda 2030, no sentido de contribuir para os Objectivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), através da sua estratégia global para o Desenvolvimento Sustentável (ver na página seguinte a caixa “Compromissos de sustentabilidade do Grupo Fidelidade”), reflectida nas prioridades de transparência, evolução demográfica, investimento responsável, investimento na comunidade, novos modelos de negócio, prevenção, desenvolvimento profissional e pessoal e alterações climáticas.

Produtos que acompanham tendências

É hoje inegável que as alterações climáticas ganharam peso mediático e espaço político, pelo que é natural estarem criadas as condições para surgirem mecanismos de protecção para estas ocorrências. Por outro lado, as faixas etárias mais jovens da sociedade atribuem, hoje, uma maior importância a temas como a transição ecológica, a necessidade de reduzir a poluição e as emissões de gases que contribuem para o efeito de estufa. Nesse sentido a Fidelidade tem já dois produtos estratégicos no seu portefólio de produtos: OK! Auto Elétricos, um seguro exclusivo para veículos (automóveis e motos) 100% eléctricos, e o OK! Bike, um seguro de acidentes pessoais e responsabilidade civil para quem anda de bicicleta, que cobre despesas de tratamento e inclui serviços de assistência e protecção jurídica ao ciclista.

No âmbito da mobilidade digital e prevenção rodoviária, o aplicativo Smart Drive permite conhecer o estilo de condução de cada utilizador e identificar factores de risco para que possam corrigi-los, entrando no campo das soluções ajustadas ao perfil de cada condutor, correlacionando o preço e o comportamento na estrada.

Em resposta ao desafio da digitalização, um pouco por todos os segmentos do Grupo Fidelidade – casa, mobilidade, social e saúde – têm sido criadas oportunidades de negócio, bem como iniciativas e soluções para aumentar a literacia nos seguros. As aplicações MyFidelidade, App Fidelidade Assistance e App OK! teleseguros possibilitam aos clientes realizar simulações, gerir as suas apólices de seguro, participar sinistros e pedir assistência automóvel ou assistência médica. A georreferenciação a partir do telemóvel é determinante pela garantia de rápida assistência em situações de segurança e saúde; no automóvel, a utilização de soluções suportadas em processos de inteligência artificial e de “machine learning” aplicadas à gestão dos sinistros permitirão optimizar custos e prazos de reparação.

A Fidelidade não ignorou o aumento do universo familiar e a cada maior sensibilidade da sociedade para o bem-estar animal e, depois do lançamento do Fidelidade Pets – conjunto de coberturas de saúde e bem-estar, responsabilidade civil, protecção jurídica e funeral –, juntaram-se uma Rede de Prestadores com Centros de Atendimento Médico Veterinário e uma Rede de Parceiros, com serviços para os amigos de estimação.

A abordagem ao desenvolvimento sustentável da Fidelidade ao longo dos anos tem vindo a ser profundamente alicerçada nos valores e postura de humanização e preocupação pelas pessoas.

O compromisso wecare (projecto da Fidelidade com vários anos, dedicado a apoiar sinistrados que sofreram danos corporais graves na sua reintegração social, profissional e familiar. Mantém-se um projecto de referência e continua a validar a postura de humanização e preocupação com as pessoas pela qual se pauta a actuação do grupo em todos os segmentos) é hoje transversal à empresa e faz parte da cultura e das equipas.

Desenvolvimento dos colaboradores

Para a Fidelidade, a mobilização da organização é um pilar estratégico para o crescimento económico sustentado, pelo que tem havido uma forte aposta no desenvolvimento profissional e pessoal dos colaboradores, com vista a preparar as equipas para o trabalho no futuro, a par com a promoção do equilíbrio entre tempo de trabalho e tempo de vida familiar.

A reflexão para o desenvolvimento de uma política de integração de pessoas com deficiência, a aposta no rejuvenescimento das equipas e a criação de uma cultura de feedback, e a consolidação do modelo integrado de gestão de pessoas, têm ajudado ao desenvolvimento dos colaboradores, à clarificação de objectivos e responsabilidades.

Em 2007 o Grupo Fidelidade desenvolveu, em conjunto com os seus colaboradores, uma política de envolvimento com a comunidade, focada em áreas relacionadas com as preocupações de negócio – prevenção e promoção da saúde e da qualidade de vida das pessoas -, assumindo como prioridade absoluta praticar um negócio responsável através do melhor serviço a clientes e lesados, parceiros e fornecedores. E foi criado o Fidelidade Comunidade, o Programa de Responsabilidade Social da Fidelidade.

Desenvolvido em duas vertentes, uma interna com o bem-estar e qualidade de vida dos colaboradores no centro e outra externa, cujo foco é o apoio à comunidade.

Do ponto de vista interno destaca-se o Programa NOS – Apoio Social: centrado nas pessoas e para as pessoas. Trata-se de um apoio social, estritamente confidencial, que tem como missão a assistência personalizada aos colaboradores em situação de manifesta necessidade ou carência como, por exemplo, sobreendividamento, problemas familiares, doenças graves, entre outros.

Do ponto de vista externo, as áreas prioritárias da estratégia do Programa de Responsabilidade Social da Fidelidade focam-se na inclusão social de pessoas com deficiência ou incapacidade, no envelhecimento e na prevenção em saúde, através do Prémio Fidelidade Comunidade e dos programas de voluntariado. Mas o programa da empresa passa também pela promoção da cultura – Fidelidade Arte -, política de donativos e apoios diversos.

O Prémio Fidelidade Comunidade encontra-se na sua 3.ª edição e volta a disponibilizar 500 mil euros para apoiar o fortalecimento do sector social, através do investimento nas instituições que trabalham nas áreas estratégicas do Programa de Responsabilidade Social. Nesta área a Fidelidade quis assumir um posicionamento orientado para a sustentabilidade das próprias organizações e a criação de sinergias com o grupo.

Podem candidatar-se propostas de intervenção com o objectivo do desenvolvimento organizacional (apoio à sustentabilidade da organização), onde se incluem todas as iniciativas ligadas a processos de gestão, designadamente, a formação de colaboradores, a comunicação e marketing, certificações e/ou iniciativas relacionadas com sistemas de gestão ou facturação; modelos de parcerias, modelos de replicabilidade e/ou investimento em negócios sociais; mas também projectos e iniciativas cujo foco sejam os beneficiários ou potenciais beneficiários das instituições, para os quais não existam respostas locais ou sejam consideradas insuficientes. Entre os vencedores das duas edições anteriores, foram distinguidos projectos que apostavam na capacitação das pessoas com deficiência e com doença mental, projectos educativos para sensibilização da comunidade escolar em temáticas como a alimentação, a higiene oral e a educação pela arte. Na área da Prevenção em Saúde foram distinguidos projectos que apostavam na prevenção de doenças degenerativas e prestação de cuidados de saúde na área da deficiência e saúde mental.

Este ano a proporção entre projectos e sustentabilidade manter-se-á, intensificando-se a representatividade de todo o continente e ilhas como consequência do esforço da Fidelidade de chegar às zonas do interior, onde realizou mais sessões de esclarecimento no período de candidaturas.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...