Festival Lumina ilumina Cascais

FOTO LUMINA_redArranca já hoje o festival Lumina, que ao longo de três noites irá reunir em Cascais 26 obras e intervenções artísticas, tais como espectáculos de luz e cor, vídeo mapping, projecções multimédia, esculturas luminosas e instalações que irão interagir com o público.

Até ao próximo dia 14, e ao longo de um percurso de três quilómetros, o festival (de entrada livre) expõe obras e intervenções artísticas de 40 artistas provenientes de 11 países, nomeadamente Canadá, Holanda, França, Finlândia, Eslovénia, Reino Unido, Alemanha, Polónia, Áustria, Macau e Portugal.

“Fachadas de edifícios, praças, a baía, a praia, os jardins… tudo servirá para propor uma visita alternativa à vila, num compasso de luz, sombra e cor, convidando os visitantes a serem protagonistas activos numa viagem que os colocará numa rara relação de envolvimento com o espaço público”, adianta a organização do festival em nota de imprensa.

O festival conta com a criação e direcção artística de Nuno Maya e Carole Purnelle, do atelier Ocubo.com, especializado áreas de video mapping e projecções interactivas, com projectos realizados no mundo inteiro.

Recorde-se que o Lumina foi um dos festivais eleitos para o Top 10 dos Festivais da Luz da Europa, pelo jornal britânico The Guardian.

App gratuita

O festival Lumina conta ainda com uma aplicação móvel, disponível para dispositivos iOS e Android, onde podem “ser encontrados conteúdos e funcionalidades que permitem tornar ainda mais intensa toda a relação com o festival”, garante a organização.

A aplicação disponibiliza funcionalidades como um mapa interactivo com todo o percurso do festival, em que as aparecem assinaladas nos respectivos locais e que permite a ligação ao detalhe de cada intervenção, informações sobre cada um dos artistas convidados e sobre as obras que integram o festival, entre outras.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...