Ex-CEO da Apple desvenda segredo para vencer a crise: publicidade não pode parar

Continuar a anunciar. Questionado sobre como as marcas devem lidar com a pandemia de COVID-19, John Sculley, antigo CEO da Apple e ex-presidente da Pepsi, começa por apontar a necessidade de não parar a publicidade. «Ficar calado durante este tempo leva a perguntas. Estão eles preocupados? Existe um problema na empresa?», explica o investidor ao The Drum.

Aos 83 anos, este é o primeiro conselho de John Sculley, tanto para uma pandemia como para uma recessão. Segundo o profissional, uma marca em silêncio pode ser vista pelo público como uma marca com dificuldades, especialmente se se tratar de uma insígnia que sempre esteve presente na televisão, por exemplo, e que de repente desaparece.

John Sculley explica ainda que grandes marcas conseguirão ter um papel mais importante na sociedade do que apenas vender produtos e que isso irá compensar no longo prazo. «Companhias que ajam dessa forma serão vistas como aquelas que realmente nos ajudaram durante a crise. Prestamos atenção às marcas que nos prestam atenção a nós», sublinha.

Outros conselhos oferecidos pelo executivo vão desde criar as próprias regras (a publicidade pode ir contra o padrão do mercado) a encontrar o preço certo para o produto ou serviço e mantê-lo (não cedendo à tentação de baixar).

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...