Estar contactável é uma preocupação para os portugueses

A preocupação dos portugueses relativamente ao facto de estarem contactáveis ou não é superior à média global: 44% vs 42%. Um estudo da GfK, realizado em 23 países, revela que a Rússia e a China revelam níveis de preocupação ainda mais altos relativamente a este tema (56%), seguidos pela Turquia (53%). Por outro lado, abaixo da média global ficam geografias como a Alemanha, Suécia, Canadá e Países Baixos.

Por cá, o grau de concordância com a frase “para mim é importante estar sempre acessível, onde quer que esteja” registou um maior nível de preocupação por parte da geração entre os 30 e os 39 anos (47%). Os adolescentes entre os 15 e os 19 anos representam a segunda faixa etária mais preocupada em estar sempre acessível (43%). Depois chegam os portugueses entre os 40 e os 49 anos (42%) e aqueles com idades entre os 50 e os 59 (33%). No fim da tabela estão as pessoas com mais de 60 anos, sendo que apenas 29% revela estar preocupado com este assunto.

Relativamente ao género dos inquiridos pela GfK, “estar sempre contactável” é ligeiramente superior entre as mulheres (43%), do que entre os homens (40%).

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...