Especial Cinema e Cinema em Casa

O ano de 2019 foi de crescimento para o mercado do cinema em Portugal, tendo-se verificado um aumento do número de espectadores nas salas do País, destacando-se ainda uma das maiores quotas de cinema português das últimas décadas.

No último ano, os portugueses decidiram dar mais atenção ao cinema, tendo o número de espectadores aumentado 5% face a 2018, perfazendo um total de 15,5 milhões.

Em suma, trata-se de um aumento de 740 mil espectadores, permitindo alcançar uma receita bruta de 83,1 milhões de euros, mais 4,4 milhões que em 2018.

Os dados são do Instituto do Cinema e do Audiovisual (ICA) e afirmam que, na área da exibição cinematográfica, a Nos Lusomundo Cinemas cimentou o seu estatuto de líder do sector, com uma quota de receitas brutas de bilheteira de 61,3%. Segue-se, com uma quota de 11,3%, a UCI, a Cineplace (11%) e a NLC (7,4%). No conjunto, estes players representam 91% do mercado português.

Na edição de Março de 2020 da revista Marketeer, Dreamia, Meo e Nos dão a conhecer o trabalho que estão a fazer na área do cinema mas também do cinema em casa, com diferentes propostas de entretenimento para os consumidores portugueses.

Para ler o artigo na íntegra consulte a edição de Março de 2020 da revista Marketeer.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...