Empresas portuguesas estão mais preparadas para o pós-Covid do que as alemãs ou britânicas

A nível global, apenas 20% das empresas estão prontas para o futuro. Contudo, Portugal destaca-se face a outros países: um inquérito realizado pela Vodafone Business mostra que 27% das empresas nacionais estão preparadas para o mundo pós-Covid. Na Alemanha, por exemplo, apenas 19% dá a mesma resposta.

Os resultados portugueses contrastam também com os 25% de Itália e com os 14% do Reino Unido e dos EUA. Por outro lado, Espanha apresenta precisamente o mesmo nível (27%) e África do Sul evidencia-se por estar bem acima da média global (35%).

Segundo o “Future Ready Report”, que assenta nas respostas de mais de 1.800 empresas de diferentes sectores e dimensões, apenas uma em cada cinco organizações a nível global está preparada para os próximos desafios. A essas a Vodafone atribui o título de “Future Ready Businesses”, que significa que partilham seis características comuns: têm uma atitude positiva face à mudança; estão disponíveis para adoptar novas tecnologias; dão passos claros na transformação dos seus negócios; estabelecem uma estratégia detalhada; mantêm-se actualizadas sobre as tendências emergentes; e são adaptáveis.

Em Portugal, são as empresas de menor dimensão que apresentam os melhores resultados. Do total dos “Future Ready Businesses”, 17% corresponde a pequenos negócios/escritórios domésticos (SOHO), 7% são pequenas e médias empresas (PMEs) e apenas 3% são organizações com mais de 250 colaboradores.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...