El Corte Inglés retira imagem depois de ser acusado de promover o suicídio

Críticas a uma imagem da campanha de regresso às aulas do El Corte Inglés em Espanha levaram os grandes armazéns a retirarem essa mesma imagem e a pedirem desculpa. Os comentários negativos começaram a surgir nas redes sociais, onde alguns internautas sugeriram que o conteúdo em questão pudesse fazer lembrar o suicídio.

«Isto passa por muitas mãos e muitos olhos antes de ser impresso. Ninguém em todo o processo disse: Epá, parece uma criança que se vai pendurar em uma corda», escreve um utilizador do Twitter.

A imagem apresenta as pernas de uma criança em cima de uma cadeira, sendo que a posição dos pés será a origem das críticas. «Em caso algum, a intenção dessa imagem estava relacionada com a interpretação que lhe foi dada e pedimos desculpas se alguém se ofendeu», escreve o El Corte Inglés na mesma plataforma.

Os grandes armazéns explicam ainda que «dada a confusão» que a imagem provocou, decidiram «retirá-la da campanha» de regresso às aulas.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...