Deus que criou o Japão chegou a Lisboa

Izanagi é o nome do deus responsável por criar o Japão. É também a designação atribuída ao mais recente projecto do chef Daniel Rente, conhecido por liderar a cozinha do Avenida SushiCafé.

O novo restaurante é também um conceito nascido no seio do Grupo SushiCafé, mas “segue o caminho da descentralização”, segundo é explicado em comunicado. Quer isto dizer que ambiciona liderar um movimento de revitalização da zona das Docas de Alcântara, em Lisboa. Com cerca de 60 lugares, tem vista para o Tejo e uma esplanada à beira-rio.

O Izanagi tem também outra missão: desmistificar a ideia pré-concebida do que é um restaurante japonês. Nesse sentido, o sushi e o ramen passam para segundo plano e entram em campo as receitas a que os japoneses se entregam no seu dia-a-dia.

«Uma oferta gastronómica genuína, que vai à base do que os japoneses comem não só em restaurantes como em suas casas, na rua, nas ‘tascas’ japonesas, nos mercados, nas feiras…», explica Daniel Rente.

Tori karaage (asas de frango panadas com aioli) e Hamachi (fatias de lírio com azeite de trufa) são duas das sugestões para começar a viagem no Izanagi. Seguem-se Robatayaki (pratos grelhados no carvão) Teppanyaki (grelhados na chapa), sem esquecer o Okonomiyaki (panqueca nipónica que faz lembrar pizza).

As propostas de sushi, por seu turno, vão depender da sazonalidade dos peixes portugueses, que poderão ir do atum à corvina. Destaque ainda para os cocktails criados pelo chefe de bar Ben.

Foto de Cátia Barbosa

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Page Assessment tem novo Executive manager
Automonitor
Conselhos para conduzir à chuva