Coca-Cola, Danone e PepsiCo. alteram comunicação com crianças na web

euUm grupo de marcas alimentares composto por nomes como Burger King, Coca-Cola, Danone, Ferrero, General Mills, Kraft Food Inc, Kellogg’s, Mars, Nestlé, PepsiCo., Unilever e Procter & Gamble, comprometeu-se a alterar a forma como comunicam com crianças com menos de 12 anos nos seus websites corporativos. Já em 2007 os membros do “EU pledge group” se comprometeram a anunciar apenas produtos que respondessem ao lema “better for you”, ou a deslocarem-se do tempo de antena das crianças em televisão, imprensa e publicidade na internet. As insígnias anunciam agora que os seus websites se revestirão do mesmo compromisso a partir de Janeiro de 2012.

O anúncio foi feito na “Platform for Action on Diet, Physical Activity and Health”, da Comissão Europeia, onde a McDonald’s se juntou ao movimento.

O “EU pledge group” apresenta dados que demonstram o cumprimento e o impacto destes compromissos no que toca à exposição infantil ao marketing alimentar. Estudos independentes da Accenture Media Management demonstram que as maiores marcas alimentares do mundo alteraram de forma significativa os produtos que publicitam a crianças, na União Europeia, desde 2005. Os resultados fazem notar como as marcas estão não só a afastar-se voluntariamente como a anunciar apenas produtos “better for you” durante a programação infantil. Este público tem também sido exposto a muito menos publicidade de produtos alimentares na sua programação, adiantam os dados da investigação. De facto, tendo em conta informações de 2005, as crianças europeias estão expostas a menos 79% de publicidade a alimentos que não correspondem aos critérios “better for you” das empresas nos programas infantis, e a menos 29% ao longo de toda a programação. Os resultados baseiam-se na análise de 753.299 spots transmitidos em Portugal, França, Irlanda, Holanda, Polónia, Roménia e Eslovénia em 2011.

O “EU Pledge” foi potenciado e promovido pela World Federation of Advertisers, rede que representa 90% dos investimentos em comunicação global de marketing.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...