Cinema caiu em Outubro mas continua a subir no acumulado

As receitas brutas e o número de espectadores nas salas portuguesas de cinema continuam a aumentar. Dados do Instituto do Cinema e do Audiovisual (ICA) relativamente ao período entre Janeiro e Outubro indicam que a receita bruta cresceu 5,5% para 67 milhões de euros, apesar de se ter registado uma quebra de 24,1% no mês de Outubro.

Os espectadores, por seu turno, ascenderam aos 12,8 milhões no acumulado do ano, numa subida de 4,6%. Tendo por base apenas o mês de Outubro, verifica-se um recuo de 26,4%, em relação ao ano passado.

“Velocidade Furiosa 8” é, para já, o filme mais visto do ano, tendo levado mais de 787 mil espectadores ao cinema. “Gru – O Maldisposto 3” surge logo de seguida, à frente de “A Bela e o Monstro”, “As Cinquenta Sombras Mais Negras” e “Piratas das Caraíbas: Homens Mortos Não Contam Histórias”.

No cinema nacional, a liderança pertence a “Jacinta”, com cerca de 45 mil espectadores. Seguem-se “Perdidos”, “São Jorge”, “Fátima” e “Alguém Como Eu”.

No campo da distribuição e exibição, a Nos Lusomundo Audiovisuais mantém-se em primeiro lugar, tendo registado aumentos de 8,8% na receita de distribuição e de 4,3% na exibição.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...