“Casa Girassol” vence 25 mil euros no Prémio SIM by Samsung

CasaChegou ao fim a 1ª edição do Prémio SIM, um concurso inserido no SIM – Movimento pela Criatividade em Portugal by Samsung, que tem por objectivo premiar e apoiar os projectos ligados às Indústrias Criativas. Foram 96 os trabalhos submetidos a avaliação, tendo o projecto de arquitectura sustentável intitulado “Casa Girassol” conquistado o primeiro prémio, no valor de 25 mil euros.

Da autoria dos jovens portugueses Pedro Bandeira, Filipe Bandeira e Dulcineia Neves dos Santos, a “Casa Girassol” propõe o desenvolvimento de uma casa capaz de rodar 360º procurando um máximo de eficiência energética solar numa perspectiva de auto-sustentabilidade. Como o definem os seus autores, trata-se este de um «projecto inovador que fomenta a captação e combinação de dois recursos energéticos naturais (sol e vento) com as mais recentes tecnologias informáticas oferecendo, do ponto de vista arquitectónico, uma linguagem tecnológica numa relação dinâmica com a paisagem». O valor do prémio deverá integrar na sua totalidade o capital social da sociedade proponente, que terá sede em território nacional.

Ao “Musikki” coube a 1ª Menção Honrosa do Prémio SIM. Este projecto na área da música e da tecnologia propõe a criação de um motor de busca que torne possível a pesquisa de conteúdos musicais em diferentes API (Application Programming Interface) em simultâneo, como o YouTube, Flickr, Amazon e Twitter, disponibilizando todos os resultados numa única página. Já a 2ª Menção Honrosa foi atribuída ao projecto “Hole 19”, que explora a área do desporto e se materializa numa aplicação para dispositivos móveis que permite aos jogadores de golfe registar os seus resultados e estatísticas de jogo em tempo real. Para além de uma análise ao jogo pelo próprio jogador, esta ferramenta permite que o golfista se ligue online a instrutores e outros profissionais que o possam ajudar a melhorar os seus resultados.

A 1ª edição do Prémio SIM, que decorreu de 24 de Maio a 31 de Agosto, contou com um júri composto por António Câmara (CEO Ydreams Portugal), Carlos Oliveira (presidente da Associação Portuguesa de Profissionais de Marketing), Marta Costa (arquitecta), Guta Moura Guedes (presidente da Experimenta Design), Francisco Maria Balsemão (presidente Associação Nacional de Jovens Empresários), Pedro Ribeiro (director de programas da Rádio Comercial), Storytaillors (estilistas), João Nobre (músico), Beatriz Batarda (actriz), Gonçalo Waddington (actor) e Woosoon Park (Presidente da Samsung Electrónica Portuguesa).

Arquitectura; Artes Performativas; Artes Visuais e Design; Marketing e Publicidade; Cinema, Televisão e Rádio; Moda; Música; Novas Tecnologias e Aplicações Digitais foram as áreas das Indústrias Criativas nas quais se integravam os projectos apresentados no âmbito do SIM. Todos os projectos foram avaliados com base em critérios de inovação, potencial de mercado, impacto na comunidade e viabilidade económica.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...