Carrefour traça plano de recuperação a três anos

Num cenário económico instável, o CEO da Carrefour, George Plassat, garantiu aos accionistas que precisará de três anos para recuperar a retalhista.

Como noticia o OJE, das prioridades do responsável fazem parte a redução da dívida acumulada, a análise da eventual retirada de vários mercados e o corte das despesas gerais, colocando novamente o poder nas mãos dos gestores locais. Não se comprometendo com objectivos de curto prazo, Plassat reconheceu que «a principal causa das dificuldades da Carrefour é o ritmo do seu desenvolvimento. Há 15 anos que o grupo persegue o dinheiro necessário para a sua expansão. É necessário restaurar a capacidade financeira da empresa para a recuperar», adiantou o CEO à agência Reuters.

Recorde-se que na passada semana a Carrefour anunciou que vai abandonar o mercado grego, onde tem assistido à diminuição das vendas, provocadas pela crise da dívida daquele país. Em contrapartida, a retalhista investiu na aquisição da Eki, cadeia argentina de supermercados de baixo preço.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...