Brown investe 1,5 milhões de euros em cápsulas compatíveis com Nespresso

Cápsualas BrownA empresa portuguesa Brown lançou no mercado português uma nova cápsula de café compatível com o sistema da marca Nespresso. Estas cápsulas, disponíveis em supermercados e hipermercados, são as primeiras do género a chegar ao mercado português.

De capital 100% português e um investimento na ordem de 1,5 milhões de euros, a Brown foi responsável pela criação de mais de uma dezena de postos de trabalho na sua fábrica.

As cápsulas resultaram de um processo de investigação e desenvolvimento que durou cerca de dois anos, e têm um preço médio inferior ao actualmente praticado (0,26 euros). A Brown disponibiliza três variedades de café e uma de descafeinado: Prestige, “rico em aromas e com intensa acidez típica dos arábicas”; Balance, “suave e adocicado, resultante da união de cafés arábicas da América do Sul com robustas da Ásia”; Intense, “intenso nos aromas e no sabor, composto por sete origens distintas de café”; e Decaf, “resultante de um processo natural de descafeinização de lotes oriundos da Ásia, América do Sul e Central e África”.

Óscar Galvão, director-geral da Brown, explica este lançamento como “uma inovação e uma nova fonte de crescimento de negócio que, em tempos de crise, se torna necessário criar”. Afirma ainda que “a Brown é uma marca que está mais próxima do consumidor – por comercializar o seu produto na grande distribuição – e é mais acessível em termos de preço”.

Apesar da história da Brown começar a contar-se agora, esta empresa é herdeira da tradição do café em Portugal. A Brown foi fundada pelo neto de Adriano Telles, que, em finais do século XIX, fez história ao inaugurar a Brasileira no Chiado.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...