Bons Sons entra para o top dos festivais mais falados

No mês de Março, o Nos Alive e o Super Bock Super Rock mantiveram-se como os festivais de música com mais notícias nos meios de comunicação social portugueses. A novidade chega no terceiro lugar do pódio: até aqui ocupado pelo Meo Sudoeste, passa a contar com o Bons Sons, da aldeia de Cem Soldos, em Tomar.

Os dados são da MediaMonitor, do Grupo Marktest, segundo os quais, o Nos Alive foi alvo de 509 notícias, no mês passado, e de 31 minutos de antena, gerando um retorno financeiro de cerca de 629 mil euros. O Super Bock Super Rock foi falado em 140 notícias e registou uma duração de 16 minutos, com um retorno financeiro de aproximadamente 571 mil euros.

Já o Bons Sons, que apresentou o cartaz completo no dia 21 de Março, surgiu em 139 notícias e ocupou perto de 10 minutos dos canais de televisão e rádio. O retorno financeiro do Bons Sons, com 77 mil euros, fica significativamente abaixo de outros festivais (como o Meo Marés Vivas, Meo Sudoeste, Sumol Summer Fest e Nos Primavera Sound) que se encontram em posições inferiores na tabela em termos de número de notícias.

O top 10 do mês de Março é completado com o Meo Marés Vivas, Rock in Rio – Portugal (que não se realiza este ano), Meo Sudoeste, Vodafone Paredes de Coura, FMM – Sines Músicas do Mundo, Festival Med e EdpCoolJazz.

A MediaMonitor analisa ainda um outro indicador, designado Índice de Exposição Mediática (IEM), que permite analisar a dimensão das notícias ponderada pela audiência, sendo que um IEM é equivalente a 1% de audiência numa notícia de um minuto ou de uma página em imprensa.

O Nos Alive registou um IEM de 79 pontos, ao passo que o Super Bock atingiu os 84,1 e o Bons Sons os 11,7. Isto significa que, apesar de ser o festival com mais notícias em Março, o Nos Alive perde para o Super Bock Super Rock em termos de exposição mediática.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...