Ben & Jerry’s lembra que há outras causas sociais a precisar de apoio

O novo coronavírus tem sido o principal tema de conversas entre amigos, das notícias nos jornais e na televisão, mas também fonte de inspiração para um grande número de campanhas e iniciativas solidárias. No entanto, a pandemia não é o único problema à espreita, tal como lembra a Ben & Jerry’s.

Com uma veia social muito forte desde a sua criação, a Ben & Jerry’s fez questão de manter o seu foco solidário nas causas que já apoiava antes em vez de redireccionar todos os esforços no sentido do combate ao COVId-19. Segundo lembra o The Drum, a marca de gelados começou por se dedicar a temas relacionadas com o estado norte-americano que a viu nascer, Vermont, dedicando-se mais tarde à promoção da paz, aos direitos LGBTQ+ e à segurança dos refugiados, por exemplo.

Agora, sabendo que os problemas de antes não desapareceram com a crise sanitária, a Ben & Jerry’s continua a dedicar-se aos mesmos temas. «Gosto que façamos coisas que são importantes – não apenas coisas que são fáceis. (…) Nós não juntamos simplesmente ao resto da multidão. Eu acho que essa é uma característica distintiva da nossa abordagem», sublinha Christopher Miller, head of global Activism Strategy da Ben & Jerry’s.

Exemplo desta abordagem de que o responsável fala é a campanha que a marca lançou recentemente no sentido de evidenciar as injustiças raciais associadas à indústria da canábis. Segundo a Ben & Jerry’s, os afro-americanos somam um número maior de detenções nos estados onde a canábis é legal, embora o rácio de consumo seja igual entre caucasianos e negros.

Para sensibilizar a população para o problema, a marca de gelados desenvolveu um conjunto de publicações, quizzes e vídeos sobre preconceito racial. Christopher Miller explica ao The Drum que a base de clientes da Ben & Jerry’s tende a ser composta por caucasianos, contando até com edições limitadas em parceria com os apresentadores Stephen Colbert e Jimmy Fallon. E foi precisamente por isso que consideraram ter nas mãos uma oportunidade única de chamar a atenção para o tema.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...