Ben & Jerry’s junta-se ao boicote ao Facebook e suspende publicidade paga na rede social

A Ben & Jerry’s vai suspender toda a publicidade paga no Facebook e no Instagram, nos Estados Unidos da América, num gesto de apoio à campanha #StopHateForProfit. “O Facebook deve tomar acções claras e inequívocas para que a sua plataforma não seja usada para espalhar e amplificar o racismo e ódio”, explica a marca de gelados.

Num comunicado partilhado online, a Ben & Jerry’s afirma que continuará a estar presente no Facebook e no Instagram, mas que não gastará nem mais um cêntimo enquanto as políticas da empresa de Mark Zuckerberg não forem revistas.

A Ben & Jerry’s é a mais recente marca a juntar-se ao boicote ao Facebook na sequência da morte de George Floyd, que perdeu a vida no passado mês de Maio após quase nove minutos a ser sufocado por um polícia. The North Face e Patagonia também estão entre as insígnias que fizeram uma pausa na publicidade paga nas plataformas do Facebook.

Logo depois da morte de George Floyd, quando as empresas começaram a comentar o assunto, o CEO da Ben & Jerry’s já tinha deixado claro qual a sua posição: Matthew McCarthy considera que os negócios devem ser responsabilizados e que devem assumir um papel activo na luta contra o racismo.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...