Audiogest cria fundo de apoio aos espectáculos

A Audiogest – Associação de Gestão de Direitos de Produtores Fonográficos anunciou a criação de um fundo de apoio a profissionais do espectáculo e de produção musical, no valor de 500 mil euros.

Este valor será gerido em conjunto com a GDA – Gestão de Direitos dos Artistas, criando-se um fundo comum que prevê a possibilidade de apoiar também outras áreas das artes performativas. «Os fundos que agora são disponibilizados terão por objectivo garantir a subsistência dos profissionais de espectáculo atingidos pela crise e visam essencialmente garantir os postos de trabalho das empresas de produção musical e produção de espectáculos e a subsistência dos profissionais do sector», explica a Audiogest em comunicado de imprensa.

De acordo com a entidade, este fundo visa ainda «colmatar a ausência de quaisquer verdadeiros apoios de emergência específicos para o sector da cultura, sendo que o único fundo público disponibilizado, além de manifestamente insuficiente, deixa de fora a esmagadora maioria dos profissionais do espectáculo.»

Os primeiros destinatários das verbas do novo fundo de apoio serão as microempresas de produção e edição musical associadas da Audiogest, bem como artistas e outros profissionais de espectáculo e microempresas da área da produção e realização de espectáculos. As regras de candidatura e selecção ainda estão a ser criadas, mas é certo que os apoios terão um carácter subsidiário e complementar dos apoios gerais disponibilizados pelo Estado. O objectivo da Audiogest é abrir o período de candidaturas até ao final de Abril.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...