Apple rende-se aos grandes ecrãs e aos wearables

iphone61_rsA Apple desvendou o novo iPhone 6 e o iPhone 6 Plus, a versão com um ecrã de maiores dimensões, tendo apresentado ainda o smartwatch Apple Watch e o sistema de pagamento Apple Pay. Em Portugal, a pré-reserva dos smartphones poderá ser feita a partir do próximo dia 26.

O novo iPhone 6 apresenta-se com um ecrã de 4,7 polegadas numa resolução de 1333×750 píxeis. Já o modelo de maiores dimensões conta com um ecrã de 5,5 polegadas com uma resolução Full HD. Em termos de design, os novos modelos apresentam linhas mais arredondadas, sendo construídos em alumínio e vidro, destacando-se ainda a menor espessura em comparação ao iPhone 5S.

Ambos os modelos apresentam o novo processador A8 que permite um processamento 20% mais rápido e uma melhoria em 50% no processamento gráfico, em comparação com o antigo processador utilizado, o A7.

Relativamente à câmara, esta mantém os mesmos oito megapíxeis utilizados na anterior versão mas foi introduzida uma nova tecnologia de detecção de imagens que permite ao dispositivo identificar os elementos de uma composição de forma mais rápida. Quanto ao vídeo, é agora possível filmar em câmara lenta em 240 fps, existindo ainda uma nova função de autofocus constante e estabilização de imagem.

Em Portugal o preço do iPhone vai começar nos 699 euros para a versão com 16GB de armazenamento interno, atingindo os 799 euros com 64GB e para os 899 euros na versão de 128GB (também uma novidade da marca). Já o iPhone 6 Plus terá um preço de entrada de 799 euros para a versão de 16GB, 899 euros para a versão de 64GB e 999 euros para o modelo de 128GB.

iWatch? Não, Apple Watch

Para além dos novos smartphones, a Apple apresentou o seu primeiro smartwatch, denominado Apple Watch, contrariando o nome que a imprensa mundial foi especulando ao longo de muito tempo (iWatch).

O novo dispositivo permite aumentar e diminuir o zoom através do movimento do pulso, vibra quando recebe uma notificação e liga-se quando o utilizador levanta o pulso. A parte traseira inclui sensores capazes de monitorizar o ritmo cardíaco.

O smartwatch poderá ainda ser utilizador como comando de TV, walkie-talkie e terá também a função de visor digital para a câmara do iPhone (desde que seja o modelo iPhone 6, iPhone 6 Plus, iPhone 5, 5c e 5s).

A personalização deste produto é outro dos destaques, existindo diferentes faces para o relógio e diferentes tipos de braceletes, prevendo-se inclusive uma versão do equipamento em ouro de 18 quilates.

O Apple Watch só estará à venda no início de 2015, com um preço de 349 euros.

Apple Pay lança ameaça aos cartões

Foi ainda desvendado um novo serviço de pagamentos, o Apple Pay, que permite aos utilizadores converterem os seus cartões físicos em digitais. A Apple vai conjugar este serviço com outras tecnologias de segurança como o TouchID – leitura de impressões digitais – e com o Passbook, semelhante a uma carteira digital para bilhetes eletrónicos.

Posteriormente à apresentação deste serviço a MasterCard anunciou uma parceria com a Apple para integrar os seus serviços na plataforma de pagamentos móveis que será disponibilizada nos novos iPhone 6, iPhone 6 Plus e Apple Watch. Outros parceiros deste serviço já confirmados são a Staples, McDonalds, Subway, Uber, Starbucks, Sephora, Disney, OpenTable e Grupon.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...