3 lições de Marketing a aprender com o Pornhub

O Pornhub tem provado que não é preciso um grande orçamento para conquistar espaço e tempo de antena. Quem o diz é a AdAge, que reuniu três lições que os profissionais de Marketing podem aprender com esta plataforma – que tem sabido divulgar e promover os seus conteúdos para adultos de uma forma que é segura para os mais novos.

Segundo esta publicação, o orçamento anual do Pornhub para Marketing deverá ser semelhante ao que Bob Iger, chairman e CEO da Disney, ganha em apenas um dia. Contudo, a estratégia delienada tem permitido que até empresas mainstream como Kraft Heinz e Unilever decidam anunciar na plataforma.

Eis as três lições a apontar no caderno:

1 – Apostar na justaposição. Em traços gerais, isto significa pegar em dois assuntos distintos e juntá-los de forma a que façam sentido, tal como aconteceu com o projecto “Dirtiest Porn Ever”. A plataforma filmou um vídeo que apelava à consciencialização ambiental, na esperança de mostrar que existem coisas mais “sujas” do que pornografia;

2 – Ser o primeiro. A segunda lição passa por ser o primeiro a chegar, especialmente quando se trata de uma categoria totalmente criada pela marca em questão. Nunca alguém se tinha lembrado de desenvolver um anúncio de Hanukkah ligado a pornografia, mas o Pornhub fê-lo há dois anos. Também ninguém tinha pensado que o que fazia mesmo falta era um vídeo de sexo filmado no Espaço, mas, uma vez mais, o Pornhub fê-lo;

3 – Ser uma autoridade. Por fim, a AdAge, considera que o Pornhub tem mostrado como ser um especialista na sua área, tirando proveito dos dados que recolhe dos seus utilizadores. No ano passado, esta plataforma transferiu 4,403 petabytes de dados, número que saltou para 6,597 este ano. Todas estas informações estão compiladas no site Pornhub Insights, onde é possível descobrir, por exemplo, quais as alturas do dia em que mais pessoas procuram este tipo de conteúdos.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
À procura do tesouro escondido: como identificar um grande líder?
Automonitor
Nissan LEAF em modo drift