21% dos jogadores mobile jogam no trabalho

O smartphone é o dispositivo preferido quando é hora de jogar, ficando à frente das tradicionais consolas. Um estudo realizado pelo Facebook IQ, com base em respostas de pessoas de 12 mercados, revela que 45% dos jogadores mobile joga enquanto está à espera e que 21% joga no trabalho. A predilecção por este dispositivo móvel está relacionada precisamente com o facto de permitir aos utilizadores jogar em qualquer circunstância, seja à espera de uma consulta médica ou na pausa no trabalho.

Comparando mercados desenvolvidos com mercados em desenvolvimento, estes últimos são ainda mais propensos à utilização de smartphones para jogar (+1,8 vezes) e gastam mais 16 minutos por sessão no smartphone. Entre géneros, a distribuição é equilibrada: 47% dos jogadores em smartphones são mulheres e 53% são homens.

Quanto aos jogadores que gastam dinheiro em jogos mobile, estes são 2,7 vezes mais prováveis de permanecer no jogo por questões de comunidade e partilha. São também 2,9 vezes mais propensos a continuar a pagar para que possam vencer os amigos. Em média, revela o Facebook IQ, 68% dos jogadores mobile dos 12 mercados analisados que gastam dinheiro para jogar descobrem novos jogos nas redes sociais.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...