Portugueses estão a consumir mais pizza e a culpa é da pandemia

A encomenda de comida/refeições aumentou 7% em Portugal em relação ao ano passado. Segundo o serviço TGI da Marktest, “a pandemia provocada pelo COVID-19 e as medidas de confinamento, a que todos foram sujeitos, vieram introduzir alterações nos comportamentos de consumo dos portugueses”: 32,2% fez pedidos deste tipo nos últimos 12 meses o que compara com os 25,2% registados em 2019.

A categoria que mais se destaca, entre os pedidos de comida/refeições, é a de pizzas. Foi este o segmento de encomendas que mais cresceu durante o confinamento, verificando-se um salto de 3% face a 2019. Por esta altura, no ano passado, questionados sobre se encomendaram pizza por telefone ou aplicações nos últimos 12 meses, 14,2% dos portugueses dizia que sim. Agora, este número sobe para 17,2%, de acordo com a Marktest.

A mesma análise já tinha revelado recentemente que também o consumo de café em casa aumentou com a quarentena e o encerramento dos estabelecimentos de restauração. Em relação a 2019, nota-se uma subida de 10,2% para 78,2% dos portugueses.

Destaque ainda para os aumentos na base de consumidores em casa das categorias de café moído/em grão e de café em cápsulas: saltos de 5 e 7%, respectivamente. O consumo de café solúvel, por seu turno, mantém-se estável, uma vez que é privilegiado ao pequeno-almoço e os hábitos neste período do dia não terão sofrido tantas alterações.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...