Marcas portuguesas juntam-se para combater a pobreza menstrual

No próximo dia 8, a Wonther irá celebrar o Dia Internacional da Mulher com uma acção que junta outras 17 marcas criadas por mulheres portuguesas tendo em vista o combate à pobreza menstrual. Todas as insígnias que fazem parte da iniciativa comprometem-se a doar 8% da sua facturação de forma a melhorar o acesso a artigos de higiene íntima em São Tomé e Príncipe e na Guiné-Bissau.

Sob o mote “Stand by Her”, a campanha arranca já hoje e conta com Sónia Pessoa, coordenadora e fundadora da Missão Dimix, como parceira. É esta a responsável por identificar as três causas que as 18 marcas irão apoiar através da angariação de fundos: reunir e enviar pensos reutilizáveis criados por uma rede de voluntários em Portugal, adquirir máquinas de costura manuais para a produção de pensos higiénicos reutilizáveis localmente e construir casas de banho para uso exclusivo de meninas nas escolas destes dois países africanos.

«A dignidade menstrual é uma causa que nos é muito querida e sobre a qual já debatíamos internamente há muito tempo. Quando conhecemos a sexóloga Vânia Beliz, umas das principais promotoras desta missão, a empatia foi imediata e sabíamos que tínhamos de ajudar», explica Olga Kassian, fundadora da Wonther e promotora da iniciativa.

Além da Wonther, são estas as marcas que aceitaram juntar-se: Limon Rose, Nazareth, Plume Organic, Clair Couture, Pura Creative Nature, Joana Ribeiro Joalharia, Ana Marta Cerâmica, Ownever, Inusitado, Mauvais Marie, Airosa Design, Normal or Not, Wheat & Rose, Knot Knot, MIRAKAYA, Light Years Away e Marita Moreno.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...