Já olhou para as árvores em Lisboa? Têm olhos e pedem atenção

O percurso que vai do Saldanha até ao Cais do Sodré, em Lisboa, está diferente. As árvores ganharam olhos e a culpa é dos artistas britânicos Luke Egan e Pete Hamilton (mais conhecidos como Filthy Luker & Pedro Estrellas), que se inspiraram no facto de Lisboa ser Capital Verde Europeia para criar uma instalação insuflável que apela à reflexão sobre o impacto humano no ambiente.

“Outro Olhar” é o nome da obra de arte assinada por esta dupla e que conta com 10 pares de olhos construídos a partir de tecidos recicláveis que são insuflados com ar natural (em vez de hélio, por exemplo). Segundo é explicado em comunicado, a instalação visa ainda chamar a atenção para as árvores que integram a paisagem da capital portuguesa.

Esta é uma das propostas do evento Lisboa na Rua para os próximos dias, dando continuidade ao trabalho no sentido de incentivar os cidadãos a sair de casa e a participar em actividades culturais. Este ano, a sustentabilidade e o ambiente são os principais pilares das várias propostas, como se pode ver, por exemplo, com o projecto Ecotemporâneos: em parceria com a BoCA, espaços verdes de Lisboa são ocupados por uma comunidade de leitura inclusiva (entrada livre mas é necessária reserva prévia de bilhete).

A última semana de Agosto fica ainda marcada pelos festivais Lisboa Mágica e Fuso. O primeiro envolve 150 espectáculos de magia com convidados de sete países. O segundo irá acontecer pela primeira vez exclusivamente online, com transmissão ao vivo das conversas com os curadores desafiados.

A programação completa do Lisboa na Rua, organizado pela Câmara Municipal de Lisboa e pela EGEAC, pode ser encontrada no site Cultura na Rua.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...