Cozinhar na brasa é o ingrediente secreto do Bono

Não, não estamos a falar do vocalista dos U2. Bono é mesmo o nome de um novo restaurante a abrir portas em Lisboa e que sugere um conceito gastronómico diferente do habitual: cozinha na brasa. Localizado na Calçada Ferragial, entre o Cais do Sodré, o Terreiro do Paço e o Chiado, o Bono combina tradições mediterrânicas com uma vocação atlântica para dar a provar sabores reinventados.

“Ao equilibrar a rusticidade e o requinte na perfeição, o Bono é o sítio certo para passar horas agradáveis, provando os sabores incríveis preparados artesanalmente numa cozinha completamente aberta”, indica o restaurante em comunicado. Quanto ao nome escolhido, é explicado que Bono tem origem no latim e que é uma palavra simples, internacional, curta, sonora e que cria expectativa – ou não significasse “bom”, “atraente”.

A ideia partiu de Robson Oliveira, historiador, especialista em cozinha francesa e mestre em ciências gastronómicas. Depois de quase nove anos em França, abre agora um restaurante em Lisboa com base em técnicas clássicas que se cruzam com fumados na brasa e produtos locais.

Ceviche com pérolas de tapioca e flores comestíveis, preparado com peixe fresco marinado por cinco minutos para preservar a sua crocância e molho numa versão autoral do molho ponzo feito com melaço de cana é uma das sugestões. Há também barbecue de polvo acompanhado de agrião tostado na brasa, puré de grão de bico e limão confit, entre outros.



Artigos relacionados
Comentários
A carregar...