Viu a Joana?

A pergunta é feita pela organização Akto – Direitos Humanos e Democracia, colocada em outdoors na auto-estrada A1 para alertar para a questão do tráfico humano.

A frase “Alguém viu a Joana” está em vários outdoors da auto-estrada, em ambos os sentidos, fazendo parte da campanha “Há vidas à venda”, da organização não-governamental. A iniciativa surge como forma de assinalar o Dia Mundial contra o Tráfico de Pessoas, no próximo dia 30.

A campanha, com a criativa da agência Gringo, contou com a colaboração da BIGOutdoors, que disponibilizou os espaçosgratuitamente. Pedro Bastos, COO da BIGOutdoors, entende ser «fundamental dar o nosso contributo para uma causa que ainda permanece oculta e passa despercebida à maioria das pessoas. Está nas nossas mãos alertar e dar eco a esta realidade, para que haja denúncias e sejam apurados responsáveis e, dessa forma, a justiça possa actuar em prol de uma sociedade mais equilibrada».

Em comunicado, a BIGOutodoors afirma que os números avançados pelo Observatório do Trafico de Seres Humanos demonstram que o tráfico de seres humanos é um problema cada vez mais sério em Portugal, tendo sido sinalizadas, no último ano, 261 pessoas presumíveis vítimas desta realidade no País.

A campanha tem também presença online, onde a Akto disponibiliza um conjunto de sinais que podem ajudar a identificar situações de tráfico humano, em adultos e crianças.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...