UHU: «Somos o quinto país do mundo em facturação»

Uma marca que cresce com todos nós, a UHU é conhecida sobretudo pelas colas, mas a sua área de actividade não se esgota aí.

A empresa originária da Alemanha lançou a primeira cola universal do mundo. Ao longo de 80 anos essa empresa química transformou-se numa empresa de colas de consumo. Actualmente, e em Portugal concretamente, há no portefólio famílias de produtos tão ou mais importantes que algumas categorias de colas, como são exemplos a categoria de produtos de limpeza profissional (vendidos junto dos produtos de bricolage), a categoria de silicones e vedantes, os correctores e os desumidificadores.

A marca está presente em três grandes canais: alimentar (super e hipermercados), especialistas (lojas de bricolage e de escritório) e tradicional (papelarias, drogarias, lojas de tintas…). «Uma grande pulverização de pontos de venda e de tipos de produtos que conduz a alguma complexidade ao negócio», garante José Luís Raposo, director-geral ibérico da UHU.

Apesar da pandemia, o volume de negócios em 2020 foi superior ao de 2019, essencialmente devido à bricolage e aos produtos de limpeza «porque a área das escolas teve um grande retrocesso com o fecho das escolas». Um resultado que só foi possível devido à diversificação de produtos e de canais que a empresa tem.

A empresa começou em Portugal há 22 anos. «Temos feito um trabalho de tal maneira importante que, actualmente, somos o quinto país do mundo em valor absoluto de facturação de uma lista de 140 países para onde o Bolton Group vende colas. Algo realmente notável tendo em consideração a dimensão do País, claro.» Aliás, dentro do grupo, Portugal é muitas vezes apontado como país de best practices e como exemplo de estratégia a seguir.

Acompanhe aqui a conversa.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...