RFM e Mega Hits voltam ao Sudoeste em 2017

A RFM e a Mega Hits renovaram a parceria com o Meo Sudoeste, assegurando, deste modo, a presença das duas rádios na edição de 2017.

Esta renovação surge após os resultados obtidos com a presença no festival dado que, segundo António Mendes, director de programas da RFM, todos os objectivos foram atingidos. De acordo com Luis Montez, director Geral do Meo Sudoeste, «foi fantástico o envolvimento da RFM e da Mega Hits desde o primeiro momento. Sempre que ouvia a RFM sentia que estavam a falar de um evento que era deles. A Mega Hits  fez um trabalho notável na promoção, divulgação e até no aconselhamento dos artistas a trazer».

A RFM, que se assumiu enquanto rádio oficial da 20.ª edição do Meo Sudoeste, realizou diversas activações no evento, tendo também transmitido concertos do palco principal. De realçar a activação “RFM – Grava a Tua Música e Junta-te à Tribo!”, que proporcionou aos festivaleiros a possibilidade de tocarem instrumentos tribais.

Já a Mega Hits, igualmente rádio oficial do evento, esteve na recepção aos campistas, partilhando as suas aventuras no Facebook, plataforma onde disponibilizou showcases com artistas, tendo ainda transmitido grande parte dos concertos. Para Nelson Cunha, director de programas da Mega Hits, «o Meo Sudoeste representa perfeitamente o ADN da marca Mega Hits. O público-alvo, as experiências, o cartaz, o modo de vida da tribo, converte o aspiracional em emocional e é marcante para o resto da vida dos festivaleiros».

Luísa Galindo, directora de Marketing do Meo, vinca o sucesso do festival e congratula a presença de ambas as rádios no mesmo.«O Meo Sudoeste é mais que um festival, é uma  experiência, onde a ligação da marca Meo com o seu público e com a música acontece na plenitude. Ficámos muito contentes por a RFM e a Mega Hits se juntarem à Tribo!», afirma.

Assim sendo, RFM e Mega Hits voltarão à Herdade da Casa Branca, na Zambujeira do Mar, para a 21.ª edição do Meo Sudoeste, que acontecerá de 2 a 6 de Agosto.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Patrões portugueses são os menos instruídos da Europa
Automonitor
História: O dia em que o Papamóvel foi salvo