Josefinas protege propriedade intelectual em Blockchain

A Josefinas afirma ser a primeira marca portuguesa de moda a proteger a sua propriedade intelectual em Blockchain. Quer isto dizer que a insígnia mais conhecida pelas suas sabrinas pode comprovar a antiguidade e titularidade dos seus modelos, mas também de todos os documentos e planos associados ao negócio.

Esta protecção é assegurada através de certificados de prova de existência gerados pela tecnologia de registo da Clarke Modet.

«Queremos que as nossas clientes recebam um produto Josefinas com a garantia de que é original, único e exclusivo. Esta medida foi uma das que adoptámos em 2021 de forma a podermos actuar contra a produção e venda de réplicas», explica Carolina Nelas, responsável pela Comunicação da Josefinas.

Em comunicado, a marca lembra que o Blockchain é uma tecnologia usada por grandes empresas, bancos e órgãos governamentais, de forma a proteger e gerir activos. Apesar de ser mais conhecida pela sua aplicação a criptomoedas, tem potencial também nesta área.

A estratégia da Josefinas passa por garantir também a protecção da propriedade intelectual de novos produtos, antes mesmo de serem lançados ou divulgados junto do público.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...