WPP atinge receitas de 7 mil milhões de euros

sorrell_rsO grupo publicitário britânico WPP, que detém agências como a Young & Rubicam e a Ogilvy & Mather, anunciou hoje que obteve receitas de 5,47 mil milhões de libras (cerca de 6,87 mil milhões de euros), mais 2,7% em relação ao período homólogo do ano passado.

As receitas do Grupo WPP, que conta no seu portefólio com clientes como a Vodafone, Pepsi e Ebay, superaram as previsões de um grupo de analistas ouvido pela agência Bloomberg, que apontava para valores na ordem dos 5,13 mil milhões de libras (6,44 mil milhões de euros).

Em nota de imprensa, o Grupo WPP explica que a performance verificada nos primeiros seis meses do ano deve-se à realização de alguns eventos desportivos, como o Campeonato do Mundo no Brasil, bem como ao desempenho nalguns mercados maduros da Europa, como é o caso do Reino Unido, onde as vendas cresceram 17%.

«Estamos mais fortes em relação ao que pensávamos que iríamos estar no início do ano», afirma Martin Sorrell, CEO do Grupo WPP, citado pela Bloomberg. Segundo o responsável, o grupo esteve mais sólido em áreas como as bebidas, viagens e aviação, mas esteve «abaixo da média» em segmentos como os computadores ou as companhias electrónicas.

De acordo com a Bloomberg, o Grupo WPP mantém a liderança no mercado publicitário mundial, com um valor de mercado de 16,4 mil milhões de libras (cerca de 20,6 mil milhões de euros). Recorde-se que esta posição de liderança esteve ameaçada pela iminência de uma fusão entre os grupos concorrentes Publicis e Omnicom, mas o negócio acabou por não se concretizar.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Estes 10 benefícios vão ser os mais desejados pelos colaboradores em 2020
Automonitor
Os peculiares protótipos que a Daihatsu vai levar a Tóquio