Volvo Ocean Race volta a agitar o Tejo em Maio

A Volvo Ocean Race estará de regresso à Doca de Pedrouços, em Lisboa, entre os dias 25 de Maio e 7 de Junho. Assegurada está também uma nova edição para 2018.

A Volvo Ocean Race, a maior regata à volta do mundo, estará de regresso à Doca de Pedrouços, em Lisboa, entre os dias 25 de Maio e 7 de Junho. Nesta segunda passagem do evento por Portugal, a Urban Wind, empresa responsável pela organização, espera a presença de 500 mil visitantes.

A passagem da Volvo Ocean Race por Lisboa – a única capital europeia a receber o evento – este ano representa um investimento conjunto de cerca de quatro milhões de euros da Urban Wind, da Câmara Municipal de Lisboa e da Associação do Porto de Lisboa.

«Temos, para este evento, uma ambição muito clara: renovar a ligação de Portugal e dos portugueses com o mar e ser o melhor e maior stopover de sempre da história da Volvo Ocean Race», afirmou esta tarde José Pedro Amaral, Stopover Director Volvo Ocean Race Lisbon, na apresentação do evento, que decorreu no Salão Nobre dos Paços de Concelho, em Lisboa. «Demos [portugueses] novos mundos ao mundo e uma nova rota à Volvo Ocean Race. O passado glorioso abre-nos as portas para um futuro que deve ser perto do mar», acrescentou.

Em Lisboa, o evento contará com um recinto de 57 mil m2, onde os visitantes poderão, de forma gratuita, contactar directamente com as sete equipas em prova e respectivos barcos, assistir a concertos ou visitar as diferentes exposições, feiras e actividades subordinadas ao tema do mar. Para a promoção do evento, está previsto um plano de media de dois milhões de euros.

A organização anunciou também que está assegurada uma nova edição para 2018. «Estamos disponíveis para continuar a desenvolver esta parceria. Esta é uma relação que queremos manter e aprofundar» nos próximos anos, sublinhou Fernando Medina, vice-presidente da Câmara Municipal de Lisboa.

A edição 2014/2015 da Volvo Ocean Race teve início a 11 de Outubro do ano passado em Alicante, Espanha, e deverá terminar no próximo dia 27 de Junho em Gotemburgo, na Suíça, contabilizando quase 39 mil milhas náuticas à volta do mundo. Ao todo, os participantes irão percorrer nove etapas e passar por 10 portos diferentes. A edição deste ano caracteriza-se pelo facto de, pela primeira vez, todas as equipas competirem com o mesmo barco (Volvo Ocean 65 one-design), sendo que a diferença de peso entre o barco mais leve o mais pesado é de apenas 200 kg. O único português em prova é Renato Ponte, que integra a equipa de terra da Mapfre.

Recorde-se que a Volvo Ocean Race passou pela primeira vez por Lisboa em 2012, tendo recebido cerca de 200 mil visitantes e gerado um impacto económico estimado em mais de 31 milhões de euros, segundo os dados do Oficial Report Volvo Ocean Race 2012.

Sabe como é o dia-a-dia dos velejadores? Veja o vídeo:

Texto de Daniel Almeida

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Estes 10 benefícios vão ser os mais desejados pelos colaboradores em 2020
Automonitor
Os peculiares protótipos que a Daihatsu vai levar a Tóquio