Vodafone chega a acordo para adquirir a Kabel Deutschland

in5KRRzZ95pA_2A Vodafone subiu a parada e chegou a acordo preliminar para a compra da Kabel Deutschland, maior operadora de cabo da Alemanha, por 7,7 mil milhões de euros.

A multinacional britânica aumentou a sua oferta inicial de 80 para 87 euros por acção, ultrapassando a concorrência da congénere americana Liberty Global no concurso pela Kabel Deutschland, que não foi além dos 85 euros por acção, avança a agência Bloomberg.

A administração da empresa germânica já fez saber que vai “recomendar” os seus accionistas a aceitar a proposta da Vodafone. A oferta “reflecte de forma adequada quer o valor estratégico da Kabel Deutschland para a Vodafone quer as suas perspectivas de crescimento”, afirma a companhia em comunicado.

Num comunicado separado, a Vodafone adianta que, caso o negócio se concretize, poderá gerar sinergias no valor de 3 mil milhões de euros, após custos de integração. A compra da Kabel Deutschland poderá dar à Vodafone acesso a 8,5 milhões de clientes e potenciais clientes de ofertas combinadas de telefone, televisão e internet (triple play).

A aposta representa uma mudança estratégica no seio da Vodafone, que no mercado europeu sempre concentrou os esforços no segmento das telecomunicações móveis. «A procura dos consumidores e das empresas alemãs por ligações rápidas à internet e serviços de dados continua a crescer substancialmente, à medida que os consumidores acedem cada vez mais à TV e a telecomunicações fixas e móveis a partir de múltiplos dispositivos», afirma Vittorio Colao, CEO da Vodafone. O negócio visa, pois, «melhorar em grande medida a nossa oferta em resposta a estas necessidades», conclui.

A Kabel Deutschland esclareceu que permanecerá uma entidade legal separada da Vodafone, após a conclusão da transacção, ficando responsável pelo negócio de comunicações fixas da empresa no território alemão.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Isabel Barros distinguida com prémio «Excelência» na liderança. Foi a única portuguesa
Automonitor
Portugal a caminho de bater recorde de produção anual