Vendas da H&M crescem 17% em Portugal

No segundo trimestre de 2015, o volume de negócios da H&M em Portugal foi de 32,9 milhões de euros (303 milhões de coroas suecas), mais 17% do que no mesmo período do último ano, quando as vendas ascenderam aos 28,2 milhões de euros (260 milhões de coroas suecas).

O número de lojas físicas mantém-se inalterado, no entanto, Portugal foi um dos oito mercados a receber a loja online da H&M, juntamente com a Polónia, Roménia, República Checa, Bulgária, Eslováquia, Hungria e Bélgica.

Relativamente às contas do último semestre, as vendas da H&M em Portugal subiram 18% tendo chegado aos 66 milhões de euros (607 milhões de coroas suecas) este ano, face aos 55,7 milhões de euros (513 milhões de coroas suecas) nos seis meses que vão de Dezembro de 2013 a Maio de 2014.

A nível global, os resultados da H&M também são de crescimento. Durante o segundo trimestre de 2015, as vendas gerais do grupo atingiram os cinco mil milhões de euros (46 mil milhões de coroas suecas) o que representa uma subida de 21% relativamente ao mesmo período de 2014. Ainda assim, a empresa afirma que o trimestre foi afectado negativamente em 2% por anomalias registadas durante estes meses.

Os lucros também registaram um aumento de 10%, ficando ligeiramente abaixo dos mil milhões de euros (8 mil milhões de coroas suecas), valor justificado com a força do dólar americano que fez aumentar os custos de aquisição, já que a H&M paga a muitos dos seus trabalhadores com esta moeda dado que se encontram em países em vias de desenvolvimento.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Portugal atraiu 610 estrangeiros «altamente qualificados» através deste programa
Automonitor
Regulamento da mobilidade elétrica obriga a celebrar contratos de adesão