Veio por amor mas precisa de um atelier

Cécile Mestelan é uma artista plástica francesa que veio para terras lusas quando se apaixonou por um português. Há já dois anos em Lisboa, Cécile Mestelan começou o seu percurso em Portugal na Vista Alegre, em Ílhavo, onde realizou uma residência artística a convite da marca. Na altura, apenas trabalhava com gesso mas depressa começou a explorar um novo material: a porcelana.

Depois de três meses a produzir intensivamente, a artista plástica de Biarritz mudou-se para Lisboa e o namorado português passou a noivo. Agora, Cécile Mestelan está à procura de um espaço onde possa criar um atelier de cerâmica à imagem do que encontrou na Vista Alegre. Para alcançar este objectivo, lançou uma campanha de crowdfunding na plataforma Kiss Kiss Bank Bank.

O dinheiro angariado terá como destino também a aquisição de equipamentos necessários ao desenvolvimento de novas peças, incluindo uma mufla, um torno de cerâmica e uma pequena prensa de tambor. Como contrapartida, os financiadores podem comprar peças a melhores preços.

Quanto ao espaço que Cécile Mestelan quer encontrar, a ideia é que seja mais do que um atelier, abraçando também uma componente educativa e social com a realização de workshops. «Paralelamente aos workshops, ambiciono que este futuro espaço possa também ser um cruzamento de diferentes artistas que necessitem de espaços de trabalho de curta duração ou por maiores temporadas», conta a artista plástica.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Luís Araújo é o keynote speaker da XVIII Conferência Human Resources
Automonitor
Vídeo: Intervenção de Miguel Rodrigues na 2ª Conferência AUTOMONITOR